sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Vício em Internet: Quero a minha vida real de volta!

De repente percebi que preciso voltar...
Ah, que saudade de quando eu tinha mais amigos reais do que virtuais...!!!
De quando eu visitava mais amigos reais que amigos virtuais... Não que alguns dos virtuais também não sejam reais... Mas sinto falta...

Acho pouco ter inúmeros amigos no orkut, mesmo que nunca tenha os visto pessoalmente; daí, descubro quais as outra redes sociais que existem e quero ter todos aqueles amigos em todas as redes sociais e ainda outros, e muitos mais... Mas estou sozinho aqui... Olho ao redor... Onde estão os meus amigos reais? Quanto tempo faz que fui à casa de um deles visitá-los e olhar em seus olhos e dizer: "Estou aqui, vim saber como você está... Você está verdadeiramente no meu coração"...?

Sinto saudade de quando me bastavam os problemas mais imediatos que me cercavam; hoje, já não cabem na minha mente os problemas do mundo todo, no mesmo minuto em que ocorrem...
Parece que quanto mais utilizo a internet, mais distante me sinto das pessoas reais...
Me sinto mais retraído para comunicar-me com o mundo real, mesmo que tenha adquirido maior desenvoltura utilizando os meus dedos no teclado do meu computador...
Parece até que este mundo virtual começa sugar-me para dentro dele como um ímã e cada vez mais me retira do meu mundo real... Todos os que conhecem o mundo virtual têm o mesmo jargão: "Sei equilibrar o uso dela"... Mas na vida real... Acabam reconhecendo, como eu: reconheci "Não quero isso, mas é como se fosse um ímã..."

O mundo sem a internet parece que seguia um curso mais ameno; os dias demoravam mais a passar... As pessoas tinham mais tempo para passear e visitar velhos amigos para "jogar conversa fora"... Para momentos de contemplação da natureza; pois faz tanto bem admirar a criação de Deus, ainda mais se for na companhia de verdadeiros amigos reais... É muito melhor que ficar ingerindo todo o tipo de lixo virtual que nos assedia todo o tempo na tão amada "Net"...
Antes as pessoas tinham tempo de parar e lembrar que pessoas reais precisavam da presença delas e abriam mão dos seus afazeres com mais facilidade para se doarem ao próximo. Hoje... Mais sei o que as outras pessoas andam realizando pelo mundo a fora do que tenho realizado eu mesmo...
Hoje... Hoje as pessoas quase não têm tempo para si mesmas, porque todo o seu tempo está preso a uma pequena máquina conectada ao mundo todo, como se estivessem presas a um balão de oxigênio...

Claro que nem todos têm acesso à internet, mas com certeza, todos estão sofrendo a consequência, direta ou indiretamente, da influência que ela têm exercido em todo o mundo real.
Amizades desfeitas (pois deixam de aceitar sair ou visitar amigos para estar na Internet); casamentos abalados (pois há pessoas que levam o PC até para a cama); relacionamentos enfraquecidos (pois já não "sobra" tempo para o diálogo e o lazer em família)... Eu acordei! Não é esta vida que quero para mim e para a minha família! Preciso resgatar a minha vida real, que é tão preciosa, e, por sinal, é única! Só viverei aqui no mundo uma única vez; portanto, devo fazer valer a pena, marcando a vida das pessoas reais, as quais estão pertinho de mim; devo gastar, ou melhor "investir" tempo em companhia delas. Sei que é isto que Deus quer para mim!

Socorro, Deus, salve-me da Internet!... Salve-me de mim mesmo!

Autora: Ana Chagas




(Mensagem de Reflexão inspirada na situação em que vive a humanidade refém do mundo virtual, independente de seu credo, posição social ou etnia. O mundo precisa pôr os pés no chão e doar mais tempo para viver sua vida real . Precisamos ter mais tempo para Deus, para nós e para os nossos amigos reais, pois podemos estar deixando que eles se afastem e fiquem no esquecimento, enquanto enchemos as nossas redes sociais e as nossas sagradas 24 horas do dia com o mundo virtual. Amo a internet, utilizo com frequência, também sinto a grande necessidade de equilibrar melhor o meu tempo para que assim a minha vida real seja mais produtiva e seja uma vida de melhor qualidade. Creio que muitos se identificarão com o que diz o texto. Um abraço a todos!)

Você é viciado em Internet? Quer saber se é? Faça esse Teste e descubra!

Um comentário:

Anônimo disse...

Adorei o texto e me identifiquei muito! Realmente viver somente no mundo virtual não é nada bom e nem saudável. Parabéns pelo texto. Abraços. :)